sexta-feira, julho 09, 2010

30 Anos sem o Poetinha...

video


Dia sete foi Cazuza, hoje é aniversário de morte do poetinha, trinta anos sem a sagacidade e o lirismo de Vinicius de Moraes e como não poderia deixar de ser, venho colocar aqui uns videos de músicas que foram importantes para MPB e especialmente para mim, no caso dessas primeiras que fazem parte de minha infância, os musicais da Globo Arca de Noé, ali foi onde eu comecei a entender a qualidade da boa música e me interessar pelo que de melhor temos aqui...
A primeira é a participação do Boca Livre cantando o clássico A Casa que ficou no imaginário de muitas crianças da época como poderia ter uma casa sem teto, sem nada...
A segunda é uma das mais belas canções da parceria Toquinho e Vinicius, que aqui é uma de beleza ímpar na interpretação do genial Paulinho da Viola e que me emociona muito por questões pessoais, mas deixem para lá, estou divagando muito...

video

Essa terceira música é a primeira parceria da dupla Toquinho e Vinicius e que exalta a praia de Itapoã na Bahia e que ficou como marca registrada para aqueles que gostam de ir na praia no final da tarde, deixar de lado as preocupações e só curtir...
A versão que coloquei é de uma turnê deles com Miúcha e Tom Jobim pela Itália, onde o poetinha conversa com o público em italiano...


video

A última música é um grande clássico da MPB, que foi composta pelos geniais Tom Jobim e Vinicius de Moraes, que enaltece uma garota que passava pelo bar onde estavam em Ipanema e que foi gravada por grandes mestres da música mundial, inclusive o intitulado A Voz, Frank Sinatra...
Essa versão também é da turnê italiana e tem como bônus um trecho de Sei Lá... A Vida tem Sempre Razão de Toquinho e Vinicius e no final o poetinha apresenta a banda que os acompanha, sempre me italiano...

video

Salve o Poetinha e viva a MPB!!!!!

Um Abraço para Todos:

Beto L. Carvalho
Carpe Diem

quarta-feira, julho 07, 2010

20 anos Sem o Poeta

video


Volto a escrever por aqui para fazer uma homenagem ao um grande ídolo que tive na adolescência, Cazuza que hoje está fazendo 20 anos da sua morte...
Escolhi uma música para abrir essa homenagem que me marca muito e que considero uma melhores da sua carreira e que por uma coincidência macabra, hoje morreu outro autor da música Ezequiel Neves, o Zeca que foi um grande parceiro e que nos deixou exatamente duas décadas após seu grande amigo...

Essa segunda música que é uma regravação de Lobão, fala um pouco da vida louca que ele levou, mas que foi bem aproveitada, não que defenda esse tipo de vida, porém cada um vive do jeito que quiser e ninguém pode dizer nada...


video

A terceira é uma música curiosa, quando foi gravada pelo Barão Vermelho, num dos primeiros discos era uma rock bem ao estilo da banda, no final da década de 80, Caetano Veloso a gravou num estilo mais calmo, que acabou permitindo a Cazuza fazer essa bela versão..


video

E para encerrar a homenagem, uma das mais vicerais músicas de Cazuza, um tapa de luva na sociedade, que gerou muita polêmica, como tudo que Cazuza fez na sua curta vida...


video

Bom meu povo, estou voltando aos poucos a escrever e é um prazer escrever por aqui, onde tudo começou, salve o Cultural Brasil...

Um abraço para todos:

Beto L. Carvalho
Carpe Diem