domingo, fevereiro 10, 2008

Salve o Melhor Carnaval do Mundo!!!!



O blog não poderia deixar de comentar a melhor festa do ano, na minha modéstia opinião claro...
O carnaval de Olinda e Recife, foi o melhor dos últimos tempos, bem organizados com atrações de peso passeando pelas duas cidades e tornando cada vez mais o melhor carnaval do Brasil...
Independente de politica, temos que vibrar com a presença de artistas como Marisa Monte, Milton Nascimento, Paralamas do Sucesso e outros que já são figurinhas carimbadas de nossa folia como Zeca Baleiro, Chico César e novatos como Roberta Sá, Marina de La Riva e tantos outros que se for citar...
Em Olinda a tradição falou mais alto e os blocos desfilaram pelas ladeiras sempre levando uma multidão por suas estreitas ruas e pelo passódromo, também com pólos onde artistas puderam levar sua música como por exemplo Zeca Baleiro que participou de um deles...
Em Recife na sexta foi feita a abertura com a presença de Marisa Monte, Elza Soares, Lia de Itamaracá comandadas por Naná Vasconcelos e quinhentos batuqueiros de maracatu...
No sábado pela manhã tivemos o maior bloco de caranaval do mundo, o Galo da Madrugada, onde mais de vinte trios elétricos e um palco onde orquestras de frevo agitavam o folião debaixo de um sol de pelo quarenta graus...
Pela noite tinhamos os shows no Marco Zero e alguns deles tinham a caracteristica de ser uma atração local com uma nacional, no sábado tivemos Siba com Zeca Baleiro, tivemos Elba Ramalho cantando mais de duas horas e meia, no domingo tivemos Nação Zumbi com Paralamas do Sucesso, Lenine com Milton Nascimento e Richard Bona, camaronês que faz com que o carnaval do Recife seja internacional...
Na segunda foi a noite dedicada ao samba, provando o caratér multicultural do nosso carnaval e apesar das criticas e de resultado não condizente com a importância do tema, tivemos a homenagem na Sapucaí ao nosso frevo pela tradicional Mangueira, o que rendeu uma mídia espontânea para o nosso carnaval muito interessante...
Na terça tivemos a apoteose comandada por Antonio Carlos Nóbrega e vários dos artistas que participaram da festa e mais de dez orquestras tocando juntas e afinadas, depois de um grande show de Alceu Valença...
Uma forte caracteristica do carnaval do Recife é a descentralização dos pólos, levando para bairros da periferia artistas consagrados, como Vanessa da Mata, Paralamas e tantos outros, a quem dificilmente essa população teria acesso...
E não posso esquecer do festival Rec Beat que leva atrações que lotam o Cais da Alfândega, como por exemplo esse ano tivemos grupos da Argentina, Chile, tivemos Pato Fu, Marina de La Riva e etc...
Sem falar do interior do estado, onde o governo do estado tratou com muito carinho, como Nazaré da Mata, Bezerros, Triunfo, Pesqueira e tantas outras cidades...
E agora gostaria de citar a cobertura feita pelos meios de comunicação, representando-os em dois veiculos que simplesmente deram uma aula de como se deve divulgar a cultura pernambucana...
Em nível nacional a Band simplesmente arrasou divindindo um espaço que parecia cativo do carnaval da Bahia, levando para o Brasil inteiro e o mundo toda a magia de nosso carnaval....
E em nível local e agora para todo o mundo através do seu site, a Rádio Folha de Pernambuco levou toda o carnaval do estado com muita competência e alegria fazendo com que quem não podia estar nos focos da folia, escutava e se imaginava lá...
Parabéns a todos que fizeram a folia nesse estado que é a maior expressão cultural do país...
Vamos colocar quatro clássicos do carnaval pernambucano:

Voltei Recife
(Luiz Bandeira)
Voltei, Recife
Foi a saudade
Que me trouxe pelo braço
Quero ver novamente "Vassoura"
Na rua abafando
Tomar umas e outras
E cair no passo
Cadê "Toureiros"?
Cadê "Bola de Ouro"?
As "pás", os "lenhadores"
O "Bloco Batutas de São José"?
Quero sentir
A embriaguês do frevo
Que entra na cabeça
Depois toma o corpo
E acaba no pé

Madeira Que Cupim Não Rói
Capiba

Madeira do rosarinho
Vem a cidade sua fama mostrar
E traz com seu pessoal
Seu estandarte tão original
Não vem pra fazer barulho
Vem só dizer... e com satisfação
Queiram ou não queiram os juízes
O nosso bloco é de fato campeão
E se aqui estamos, cantando esta canção
Viemos defender a nossa tradição
E dizer bem alto que a injustiça dói
Nós somos madeira de lei que cupim não rói

Frevo Nº 1 Do Recife
Antônio Maria

Ô ô ô saudade
Saudade tão grande
Saudade que eu sinto
Do Clube das Pás, do Vassouras
Passistas traçando tesouras
Nas ruas repletas de lá
Batidas de bombos
São maracatus retardados
Chegando à cidade, cansados,
Com seus estandartes no ar.
Que adianta se o Recife está longe
E a saudade é tão grande
Que eu até me embaraço
Parece que eu vejo
Valfrido Cebola no passo
Haroldo Fatias, Colaço
Recife está perto de mim.

Hino do Elefante de Olinda
Clídio Nigro / Clóvis Vieira

Ao som dos clarins de Momo
O povo aclama com todo ardor
O Elefante exaltando as suas tradições
E também seu esplendor
Olinda, este meu canto
Foi inspirado em teu louvor
Entre confetes e serpentinas
Venho te oferecer
Com alegria o meu amor
Olinda! Quero cantar a ti esta canção
Teus coqueirais, o teu sol, o teu mar
Faz vibrar meu coração, de amor a sonhar
Em Olinda sem igual
Salve o teu Carnaval!
Um abraço para todos:
Beto L. Carvalho
Carpe Diem

Nenhum comentário: